Sob o controle da Inferior (in the grip)

Publicado por

A função inferior é oposta à função dominante, de modo que as duas funções geralmente nos levam em direções opostas, alimentando informações conflitantes sobre o mundo.

Se a função dominante é o seu verdadeiro eu e quem você quer ser, a função inferior é o aspecto sombrio de sua personalidade, a parte de você mesmo que você não entende muito bem, a parte de sua personalidade que você está propenso a evitar ou rejeitar.

Devido à confiança à longo prazo na função dominante sempre escolhendo seus objetivos e desejos, os objetivos e desejos da função inferior permanecem submersos na mente inconsciente.

No entanto, de acordo com a teoria psicanalítica, as atividades mentais que são muito reprimidas na mente inconsciente têm uma maneira de exercer-se de forma casual quando você menos espera, o que implica que a função inferior não é verdadeiramente “inferior”, mas na verdade bastante poderosa, afetando bastante a maneira com que você age, sem muitas vezes compreender o porquê.

À medida que crescemos, rejeitamos inconscientemente a função inferior, a fim de conferir maior poder e controle sobre a vida para a função dominante. Isso faz com que a função inferior fique bastante subdesenvolvida, então você geralmente não conseguirá usá-la tão bem ou tão confortavelmente como sua função dominante, e isso pode produzir inseguranças inconscientes.

Quanto mais você confia na função dominante, mais você suprime a função inferior, fazendo com que ela se sinta “sufocada”, engarrafando sua energia.

Quando você está sob um estresse emocional intenso ou não tem mais energia mental para manter o controle cognitivo da função dominante, essa energia inferior engarrafada tem potencial para retornar à mente consciente, causando uma regressão para mecanismo de defesa mais primitivos (esse estado é descrito por Naomi Quenk como “estar sob controle (In The Grip) da função inferior”).

Isso faz você agir aparentemente fora do seu padrão de comportamento.

Uma vez que o período sob o controle da inferior acaba, você pode se perguntar por que você se comportou tão mal ou o que foi tudo aquilo. Muitas vezes, durante esses momentos críticos, a função inferior é mais visível e memorável porque acompanha emoções negativas e/ou comportamento não saudáveis.

Uma vez que a função inferior tende a aparecer quando você perde o autocontrole, é mais provável dela manifestar-se como comportamento imaturo, infantil, disfuncional ou destrutivo.

As pessoas que são propensas à tendência de ficar “in the grip” geralmente têm baixa autoconsciência, são infelizes, mas não compreendem o porquê, e seus processos cognitivos estão operando em um nível instintivo ou primordial, impulsionado pela reatividade emocional inconsciente.

Se Inferior (Ni Dominante)

  • Você sente que seu mundo é pequeno demais e o futuro parece sombrio ou opaco?
  • Você se sente mentalmente fechado, como se estivesse cansado de pensar, passando pelos movimentos da vida no piloto automático, como se nada tivesse significado?
  • Você sente como se o mundo inteiro estivesse contra você, apresentando todos os obstáculos possíveis para flagelar você? (perda do uso saudável de Ni dominante)
  • Você costuma sentir uma frustração subjacente ou raiva, pronto para irritar-se com a menor provocação, ou mesmo querer destruir sistematicamente alguém?
  • Você comete muitos erros por descuido?
  • Você busca inquietamente “fatos” para apoiar suas ideias/ações?
  • Você teme que os eventos estejam fora do seu controle, às vezes repreendendo-se por erros e por isso fazendo análises excessivamente?
  • Você se torna menos focado, mais desajeitado ou perde algum controle sobre seu corpo?
  • Você sente o desejo de enterrar/perder-se em alguma tarefa física, como limpar, organizar, exercitar ou dominar uma habilidade prática?
  • Você compulsivamente verifica certas coisas ou barulhos e foca exageradamente em detalhes estéticos em seu ambiente, até mesmo a aparência física dos outros?
  • Você se esforça fortemente para escapar (anestesiar-se) dos problemas através de atividades/prazeres sensoriais, como drogas, comer, sexo, etc., e depois se recrimina ou se sente culpado por um comportamento tão inútil?
  • Você tem uma forte vontade de fazer algo novo/louco por se sentir perturbado pela vaga inquietação subjacente?
  • Você sente uma necessidade urgente de agir ou fazer uma mudança porque algo desencadeia você a acreditar que você não está onde quer estar na vida?
  • Em suma: A Se inferior atua impulsivamente ou imprudentemente em resposta a eventos/situações que são percebidas como negativas ou inesperadas por perder de vista o significado e a consequência por trás das ações de alguém

Si Inferior (Ne Dominante)

  • Você se retira para “dentro” de si mesmo, sentindo que perdeu todo entusiasmo e otimismo?
  • O futuro parece de repente negro, vago ou opressivo?
  • Você perde de vista as possibilidades positivas para sua vida?
  • Você sente que perdeu sua centelha criativa? (perda do uso da Ne dominante saudável)
  • Sente falta de motivação/inspiração para iniciar mudanças e quer dedicar tempo demais para reflexão pessoal?
  • Você se sente muito isolado e vulnerável, como se ninguém pudesse te entender?
  • Você sente que sua mente está obscurecida por uma questão específica que você simplesmente não consegue parar de pensar?
  • Você fica obsessivo com pequenos detalhes/ideias ou examina compulsivamente algum erro/evento passado?
  • Você sente como se não estivesse aprendendo com seus erros ou continuasse repetindo os mesmos padrões negativos?
  • Você se torna um pouco pedante, chato para detalhes, espalhafatoso, irritável, de temperamento negativo ou impaciente com as pessoas?
  • Você se sente irracionalmente pressionado pelo tempo, como se você não estivesse progredindo rapidamente o bastante?
  • Você facilmente fica doente quando está sob stress, geralmente porque está fazendo demais e negligencia comer/dormir regularmente?
  • Você fica um pouco hipocondríaco, temendo que toda dor ou sensação estranha seja um sintoma de uma doença ou problema grave?
  • Em suma: A Si inferior se retira e fica preso em uma rotina de obsessão ou na mente estreita e compulsiva por perder de vista o potencial das coisas e da vida ou possibilidades positivas no mundo

Fe Inferior (Ti Dominante)

  • Você se esquece das coisas ou fica facilmente distraído?
  • Você se sente desconfiado, ineficaz e disperso, como se tivesse perdido o controle de si mesmo e talvez até compensasse demais se tornando obsessivo em provar algo para você ou para outros?
  • Você sente que não consegue pensar em linha reta, como se sua mente estivesse uma bagunça? (perda do funcionamento saudável da Ti dominante)
  • Você se sente mentalmente nublado ou oprimido por emoções negativas como confusão, raiva, tristeza ou frustração?
  • Você se vê atrapalhando, chorando ou queixando-se de coisas que normalmente não o incomodariam e talvez não consiga identificar a razão pela qual você está se comportando desse jeito?
  • Você se sente também enredado por influências externas, especialmente das “demandas”, necessidades ou opiniões de outras pessoas?
  • Você se torna hipersensível sobre as opiniões de outras pessoas sobre você, por exemplo, se sentindo indignado, envergonhado ou alienado dos outros?
  • Você sente vontade de obter algum tipo de afirmação, atenção, aprovação, acordo ou validação de outros, tentando impressionar, provocar ou influenciar pessoas (porque você não sabe como se conectar em um nível mais íntimo)?
  • Você se torna irracionalmente desesperado, possessivo ou pegajoso em seus relacionamentos?
  • Em suma: A Fe inferior atua de forma insegura ou desesperada em relação à outras pessoas por causa da perda de autoconfiança quando a fronteira entre si e e outro fica cada vez mais tênue

Fi Inferior (Te Dominante)

  • Você se sente ineficaz ou incompetente?
  • Você parece falhar, não importa qual plano ou estratégia você tente?
  • Parece que cada ação ou decisão faz uma situação progressivamente pior? (perda do funcionamento saudável da Te dominante)
  • Você sente de repente que seus esforços e trabalho árduo não são apreciados ou são subestimados por outros, levando a um desejo de se afastar do mundo ou mesmo “punir” os outros, privando-os de suas capacidades?
  • Você é estranhamente hipersensível à críticas “injustas” e teme que as pessoas não o respeitem?
  • Você sente que seu estado emocional está se desviando e você não sabe como detê-lo?
  • Você sente que está tentando evitar uma explosão ou uma quebra emocional em público ou em frente de seus entes queridos, e que talvez seja melhor você se isolar por um tempo para recuperar a calma?
  • Você se pune por ter sido (inadvertidamente) insensível, desdenhoso ou significante para alguém próximo a você?
  • Em suma: A Fi inferior se afasta para se voltar à auto compaixão, turbulência pessoal ou posição defensiva devido a perder a confiança para atuar com competência no mundo

Te Inferior (Fi Dominante)

  • Você se sente cansado de se importar com os outros ou se torna severamente julgante e frio, ou sente vontade de iniciar brigas/discussões com pessoas com quem você não concorda ou desaprova?
  • Você se sente sem valor ou incompetente, julgando ou culpando-se por tomar decisões ruins ou nunca conseguir algo de valor? (perda do funcionamento saudável da Fi dominante)
  • Você se foca de repente no pouco que você está realizando, em sua desorganização ou em sua desordenação e quer remediar a situação imediatamente?
  • Você fica cheio de culpas e acusações, sentindo o desejo de entrar em brigas/discussões por rancor?
  • Você vê as pessoas como ineptas e sente um forte desejo de sistematicamente ignorar suas falhas ou dizer-lhes o quão errado elas são (mesmo quando não provocadas)?
  • Você faz tentativas súbitas/desesperadas, mas falhas, de controlar a vida através do planejamento/estratégia ou mesmo tentar se encarregar das situações, mandando nas pessoas ao seu redor?
  • Em suma: A Te inferior  incorre em tentativas apressadas de exercitar ou recuperar o controle sobre aspectos importantes da vida por se sentir muito impotente ou incompetente

Ti Inferior (Fe Dominante)

  • Você inexplicavelmente sente vontade de se afastar ou de evitar de atividades sociais ou relacionamentos?
  • Você de repente acha difícil se preocupar com os problemas ou o sofrimento de outras pessoas?
  • Você sente uma sensação de desespero, cinismo ou pessimismo porque a natureza humana parece tão sombria? (perda do funcionamento saudável da Fe dominante)
  • Você se sente desconfiado e altamente crítico com os outros?
  • Você sente um desejo de “atacar” as pessoas, machucando-as intencionalmente ou as fazendo sentir culpadas por qualquer falta que tenha cometido aos seus olhos?
  • Você se sente endurecido para com as pessoas, assumindo um estilo de comunicação mais frio ou cáustico?
  • Você imagina “fantasias” ou “histórias” detalhadas, complicadas e aparentemente lógicas para explicar o que há de errado com outras pessoas ou com você?
  • Você procura desculpas para fazer qualquer coisa “egoísta” que você sente vontade ou para justificar colocar suas próprias necessidades acima da dos outros?
  • Você se sente deprimido ou inferior aos outros?
  • Você sente que está sendo razoável enquanto, ao mesmo tempo, outros lhe acusam de estar sendo irracional?
  • Você sente que não pode resolver seus grandes problemas, não importa o quanto tente, mesmo depois de consultar outras fontes, como livros, oficinas, especialistas ou grupos de suporte?
  •  Em suma: A Ti inferior se retira para uma análise exaustiva, em busca de desculpas ou fazendo críticas irracionais por perder o sentimento de conexão com outras pessoas e não entender o porquê ou como resolver o problema

Ne inferior (Si Dominante)

  • Você se torna muito descuidado ou perde o controle sobre os detalhes em que você costuma ser bastante bom?
  • Você sente que sua mente está em um nevoeiro e você age de forma errática, às vezes irritadiça e se afastando da situação?
  • Você de repente quer experimentar alguma nova ideia extravagante?
  • Você se sente fora de controle e age de forma mais impulsiva e com menor inibição social, por exemplo de forma incomum atrapalhando os outros ou dizendo coisas que você sabe que serão prejudiciais ou negativas? (perda do uso saudável da Si)
  • Os erros do passado ou os eventos passados ​​negativos o perseguem ou fazem você acreditar que não vale a pena trabalhar para um objetivo futuro?
  • Você se sente paralisado quando pensa no futuro, imaginando todas as coisas que podem dar errado se você tomar uma decisão errada?
  • Você vê sinais de perigo ou morte iminente em todos os lugares?
  • Você sente ataques repentinos de esperança irracional apenas para depois cruelmente destruí-los em sua mente por acreditar serem impossíveis de realizar no mundo real, sofrendo de mudanças emocionais e de humor no processo?
  • Em suma: A Ne inferior atua ansiosamente, de forma errática ou impulsiva devido à visualização de muitas possibilidades negativas sobre as coisas que podem dar errado e o faz sentir despreparo para lidar adequadamente com as situações e com a vida.

Ni Inferior (Se Dominante)

  • Você sente de repente que a vida é séria demais e você não pode deixar de se irritar, fica sombrio, afastado ou negativo?
  • Você se torna menos tolerante às pessoas ou mudanças?
  • Você se sente atormentado por tédio crônico ou falta de paixão? (perda de funcionamento saudável da Ni dominante)
  • Você se sente incomodado pelo medo, dúvida de si mesmo, imagens mentais perturbadoras ou sua própria incompetência, como se você estivesse perdendo contato com a realidade ou mesmo ficando louco?
  • Você procura sinais ou indicativos misteriosos positivos ou negativos para confirmar suas suspeitas ou inseguranças?
  • Você fica paranoico e começa a temer que as pessoas tenham segundas intenções e estejam tentando tirar proveito de você?
  • Você começa a entrar em pânico sobre algum resultado futuro imaginado negativamente?
  • Você se sente incomodado por não fazer algo de si mesmo ou não ter realizações significativas, e esses anseios são piorados ao ver todas as pessoas “bem-sucedidas” ao seu redor?
  • Você sente de repente e inexplicavelmente o desejo de buscar um propósito maior ou um significado mais profundo para a sua vida?
  • Você de repente se sente atraído por ideias místicas ou exploração espiritual?
  • Em suma: A Ni inferior se retira para o pessimismo irracional, a paranoia ou a desconfiança da vida por perder a confiança e a conexão com os aspectos novos/positivos/interessantes do mundo

Isso dá alguns exemplos dos tipos de comportamentos que tendem a ser correlacionados com o aspecto negativo de cada função inferior.

Embora existam aspectos positivos para a função inferior, os negativos são mais fáceis de detectar para fins de tipificação.

Os comportamentos da inferior intensamente não saudáveis são geralmente fora de caráter e geralmente só surgem quando você está extremamente estressado ou se sente muito sobrecarregado com emoções negativas ou problemas difíceis (nesse caso, você deve lidar diretamente com a fonte do estresse que está diminuindo sua energia).

Estar preso à sua função inferior libera explosões de impulsos inconscientes retidos que dominam seu senso de identidade normal, transformando você em uma versão mais escura de você mesmo que, no fundo, você não quer ser.

Você pode exibir uma ampla gama de comportamentos de estresse aparentemente aleatórios e há uma sobreposição entre os tipos, bem como as diferenças individuais em cada tipo, porque estar no sob o controle da inferior, geralmente é um estado extremamente confuso.

Anúncios

Deixe uma resposta