Anúncios

Esposa Bruaca: Mito ou Realidade?

Bom nobre amigo, se clicou no link esperando que eu ia concordar com você sobre como as mulheres (esposas e namoradas) são difíceis de entender e um pé no saco e fazer piadas com isso, pense novamente!

Na verdade a reflexão dessa série de posts é sobre nós homens (maridos e namorados) e como “sem querer” através da nossa incompreensão sobre como as mulheres pensam (ou seria sentem?) e pior, pela nossa falta de vontade e dedicação em aprender, acabamos ajudando na metamorfose daquela que um dia foi nossa linda e doce gatinha, nessa criatura mitológica das profundezas: a esposa bruaca, que muitas vezes habita nossos lares.

Já na série Marido Zumbi discutirei sobre esta curiosa criatura e como você minha amiga, pode ter ajudado a colocá-lo no sono profundo, como dar um novo sopro de vida à esse ser moribundo e fazer com que se levante da tumba.

Disclaimer (Para Homens)

Também sou um homem (ser humano) e se você amigo, está cagando seu relacionamento e não sabe como parar essa tempestade de merda que você criou, saiba que já estive em seu lugar algumas vezes, tenho fotos para provar e comprei a camiseta da viagem! Andei lendo muito sobre isso e quero compartilhar a sabedoria de alguns livros e a sabedoria das minhas cicatrizes, as quais consegui com muito orgulho e sob o custo de suor, sangue e lágrimas. kkk (para não perder a teatralidade!)

Na verdade foi tudo de boa e ainda estou vivo, sem um olho, faltando uma perna e com fraturas na bacia, porém vivo!

Disclaimer (Para Mulheres)

Eu amo e respeito mulheres mais que tudo, vou usar humor sarcástico apenas para prender a atenção deles, para que cheguem até o fim dos posts (e não mudem para o jogo de futebol) e aprendam (se dermos sorte) como cuidar um pouco melhor de vocês, e não para caçoar. (Xiu, segredo entre nós!)

A partir de hoje colocarei sempre que puder novos posts com novas técnicas secretas para derrotarmos essas tão temíveis criaturas. So subscribe, para os próximos ensinamentos!

Definição

Começo tentando definir o monstro aterrador. Quais seriam as facetas dessa curiosa criatura?

Quem sabe algumas características ajudem na identificação:

– Você por acaso chega em casa feliz do trabalho, ao entrar pela porta ao invés de um abraço e um beijo é recebido com uma lista de coisas que esqueceu de fazer?

– Quando vocês namoravam e ela mandava uma mensagem, venha urgente para casa, chegando desesperado e entrando pela porta correndo, tudo que encontrava era sua linda gatinha de roupas sexy esperando para “acabar” contigo.

Mas agora quando recebe uma mensagem venha urgente para casa, quando chega encontra a casa alagada com a pia vazando, seu filho berrando com 2Kg de chiclete presos no cabelo e o sofá com cocô de cachorro. Dessa vez ela também quer acabar contigo, só que “sem aspas”.

– Toda vez que chega um WhatsApp dela, você sente uma súbita fisgada no pâncreas e um frio na espinha e nenhum médico consegue diagnosticar o problema.

– Você mal abriu os olhos naquela linda manhã de sábado e ela já está possuída com você e você não faz nem ideia o que aprontou.

– Sexo é uma coisa que você acha que já fez alguma vez na vida e suspeita que era bom, ouve as pessoas falarem por aí que andam fazendo, mas acha que estão enganadas e está mais fácil achar um unicórnio no seu quarto que sua mulher nua.

– Chega na cozinha para fazer um lanche e encontra ela lavando louça com uma carranca em seu belo rosto, você oferece para ajudar a lavar, ela disse que não precisa, você feliz da vida liga seu Xbox, só para ver um prato passando voando pela sua cabeça e estourando na parede.

– Você nem lembra como era o sorriso dela, a última vez que viu ela sorrindo foi porque estava com um pote de haagen dazs no colo.

– As vezes quando entra no cômodo onde ela está parece que está passando para além da The Wall e chega a ver White Walkers de tão frio, com aquela nevasca gelada, mesmo que esteja 32 graus lá fora. (The North Remembers!)

– Toda vez que pergunta para ela se está tudo bem, ela grunhe que sim, mas você sempre tem uma “leve” impressão que algo não está certo.

Nobre amigo, sinto lhe informar que é possível que você seja presa da lendária bruaca de sete cabeças!

Vou fazer tudo que puder para te ajudar, estamos juntos nessa sagrada empreitada! To Arms!!!

Técnica de combate 1 (Empty Belly) – Pare de alimentar a criatura! AGORA!

A primeira coisa é tirar as forças dela e parar de enfurecer a fera. E como fazemos isso? Precisamos identificar quais atitudes nossas estão fazendo ela ficar mais forte e feroz a cada mês. Então quando fizer as coisas, note as reações da criatura, se for um grunhido você errou, se foi um sorriso ou um beijo, acertou. Não preciso dizer qual dos dois tipos de atitude precisa aumentar e qual eliminar, né, gênio?

Técnica de combate 2 (Marty Mcfly) – Lembre das lições do passado

Lembra quando vocês estavam apenas ficando e namorando, e era capaz de ficar horas somente ouvindo as histórias dela, olhando em seus doces olhos?

E agora se eu perguntar a cor dos olhos dela vai ter que parar para pensar e você nem lembra o nome da querida tia dela que morreu essa semana?

Quando ela está compartilhando seus anseios, frustrações contigo, tudo que ouve agora é a voz dela como se fosse a professora do Charlie Brown do Snoopy enquanto pensa no seu hobbie favorito.

Hum, algo me diz que é uma pista. Se você quer que ela volte a ser aquela que você namorava, será que o caminho não é voltar a ser aquele cara também? Aquele galã sexy e bad boy, mistura de Austin Powers com Fábio Júnior, quem sabe. Um conceito importante pelo qual possa ter perdido vontade de cortejar sua mulher é que a energia masculina é sobre superar desafios, quebrar barreiras, conquistar objetivos. Por isso somos atraídos por esportes competitivos, combates, competições, etc.

Quando sua gata era apenas uma linda moça no mundo, e você ficou encantado por ela, o que ela se tornou para você senão exatamente isso? Você enxergava todas as qualidades nela e queria tudo aquilo de bom para você e na sua vida. E logo seu instinto masculino foi despertado e com todo ímpeto pôs-se a perseguir seu objetivo, dando o melhor de si, não para ela mas por si mesmo, sendo sua melhor versão, preocupado em entender e ouvir quais eram os anseios dela e como serem felizes juntos.

Corta a cena para alguns meses ou anos depois, infelizmente hoje, já “conquistada”, a pobrezinha nem lembra quem era aquele cara. Muitas vezes, não por mal, mas porque a energia masculina não está mais ativada para ela e sim para outros assuntos importantes, acabamos sendo complacentes, como se agora que estamos juntos o cortejo acabou, só sentar e relaxar. Nós achamos que se todo dia pegamos a enxada e o machado, sofrermos o dia todo, debaixo de sol, chuva ou neve para trazer a lenha e o urso morto para dentro de casa, que está ÓBVIO que nós as amamos, como poderia ficar mais claro?

Mas do ponto de vista delas, não é bem assim não. (Nos próximos posts explicarei o porque).

E, é EXATAMENTE por isso que quando ela está de malas prontas e saindo pela porta, viramos instantaneamente e novamente aquele cara, a energia masculina é despertada no nível máximo, pois naquele momento conquista-la tornou-se novamente um desafio imediato e urgente.

A verdade é que tanto mulheres quanto homens trabalham duro pelo seu relacionamento, a diferença é que as mulheres trabalham enquanto estão dentro dele e os homens, assim que eles acabam.

A parte mais importante dessa técnica é entender que se você não estiver cortejando sua mulher sempre que possível e dentro dos limites da realidade, claro, alguém uma hora o fará por você.

Não há nada mais belo que uma mulher pronta para deixar seu casamento. Fique atento aos indícios!

Então comece a tirar a cera do ouvido, procure a palavra “romantismo” no google, preste atenção nas sutis dicas daquele restaurante italiano que ela está tentando te levar (arrastar) há seis meses e torne-se novamente aquele Dom Juan que um dia foi, e com certeza pode voltar a ser.

Lembrem-se, num divórcio os únicos que ficam felizes e mais ricos são os advogados.

Começarei com as técnicas básicas de combate à mão livre, passarei para armas brancas, a medida que formos evoluindo, ensinarei magias, encantamentos, conjurações e qualquer coisa que nos ajude a eliminar essas terríveis criaturas das nossas vidas!

Jamais os abandonarei my brothers in arms!!!

Quer conhecer a outra metade da história? Clique aqui: Marido Zumbi

Se gostou, compartilhe na barrinha aí embaixo. Obrigado! 😉

Anúncios

Um comentário em “Esposa Bruaca: Mito ou Realidade?

Adicione o seu

Deixe uma resposta

Powered by WordPress.com. Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: