Anúncios

Funções: Oposição e Conflitos

 Esse é mais um post que traduzirei e adaptarei na íntegra, então se quiserem ver o original que merece todos os créditos esses são os links abaixo:

  1. MBTI Notes

Não sabe o que é MBTI? GUIA DE ESTUDOS

Agora temos um Grupo no Facebook

PARTE IV: DINÂMICA DE FUNÇÕES

Se ainda não é óbvio, as funções cognitivas funcionam e se comportam de forma diferente em diferentes posições, por isso é difícil tipificar com precisão apenas lendo um lista de funções. Se você quiser entender como sua mente funciona, é importante entender o conceito da sua dinâmica.

A dinâmica do tipo vai além de ver as funções cognitivas como simples processos mentais isolados e explica as relações entre as funções e a forma como elas trabalham juntas para produzir suas necessidades, desejos e motivações.

Quando uma função está na primeira ou segunda posição, ela tenta superar sua natureza oposta na terceira ou posição inferior: a função dominante tenta dominar a função inferior e a função auxiliar tenta superar a função terciária.

Esses desequilíbrios na distribuição de energia mental produzem tensões psicológicas que influenciam você a pensar ou se comportar de determinadas maneiras. Do lado positivo, os conflitos funcionais oferecem pistas sobre o que é mais importante para você na vida e como você pode concretizar seu o potencial.

O conflito entre as funções de oposição dominante e inferior tenderá a ser sentido mais severamente do que aquele entre as funções auxiliares e terciárias. O eixo Dominante-Inferior está mais intimamente ligado ao seu senso de identidade pessoal, de modo que a tensão é muitas vezes pior e mais ameaçadora (enquanto as funções no eixo Auxiliar-Terciária parecem mais fáceis de conciliar).

Conflitos Dominante-Inferior

Eixo Si-Ne (ISxJs)

Você presta atenção e procura comparar e classificar detalhes sensoriais em situações novas porque tem medo inconscientemente de que você não esteja preparado adequadamente para todas as coisas que possam acontecer/desabar no futuro (Ne Inferior mal desenvolvida).

Devido a este medo, você começa a se fechar para novas experiências, não conseguindo perceber que as melhores e mais interessantes coisas da vida vêm quando você está aberto a novas idéias, uma vez que por conta desse desequilíbrio, tende a focar mais nas possibilidades negativas.

Existem várias maneiras de reagir a essa tensão inconsciente entre Si e Ne:

Você pode tornar-se muito dependente de rituais ou rotinas, já que eles proporcionam conforto emocional diante das forças externas desestabilizadoras.

Você pode evitar ou resistir a novas mudanças ou experiências a fim de não precisar enfrentar sentimentos ou intuições negativas.

Você pode tornar-se paranóico, sempre assumindo o pior ou pecar pelo excesso de preparação ou planejamento ao invés de improvisar ou exercer suas habilidades de adaptabilidade.

Você deveria procurar por vias seguras para explorar seus talentos criativos ou encontrar métodos relativamente previsíveis para crescer e melhorar a si mesmo.

Si dominante : “Se passou no teste do tempo e é melhor para você”

Devido a essa atitude da dominante Si, os ISxJs são levados a manter o que sabem, amam e apreciam, muitas vezes confiando em conhecimentos ou métodos que já foram comprovados como confiáveis.

Eles tendem a ser firmes, zelosos, observadores e capazes, tendo um orgulho silencioso em atender a detalhes/discrepâncias que outros possam não enxergar ou ignorar. Eles são geralmente admirados por sua natureza responsável ou confiável quando estão no seu melhor.

Ne inferior : “Eu não sei o que fazer então vamos tentar qualquer coisa aleatória!” 

Como Si dominantes geralmente são muito atentos à estabilidade e cuidadosamente constroem conhecimento detalhado, no pior dos casos, eles são incapazes de classificar cuidadosamente a informação e desistir aos seus pensamentos e imaginações mais irracionais.

Em momentos  de baixa ou de fraqueza, eles se tornam erráticos ou indisciplinados. Suas falhas geralmente envolvem: tornar-se muito ansioso ou preocupado (catastrofizar), ser dominado ao lidar com muita novidade ou mudanças bruscas, ou situações de microgerenciamento (às vezes devido à falta de vontade de delegar).


Eixo Ne-Si (ENxPs)

Você presta atenção a qualquer idéia/possibilidade nova que venha à mente, e deseja trazer ideias à vida porque você tem medo inconsciente de desperdiçar tempo por estar preso numa rotina, ou viver uma vida maçante, repetitiva e desprovida de inspiração (interpretação errônea pela Si mal desenvolvida).

Devido a este medo, você não consegue perceber que o progresso real geralmente requer paciência e atenção cuidadosa, requer priorizar e gerenciar detalhes, pois só assim você poderá desenvolver conhecimento fundamental suficiente para evitar o descuido, levando a um maior sucesso e melhorias.

Existem várias maneiras de reagir a essa tensão inconsciente entre Ne e Si:

Você pode se tornar desenfreado, indisciplinado ou indeciso porque não pode determinar quais detalhes são mais importantes e devem ser abordados primeiro.

Você pode agir impulsivamente por conta de ficar facilmente aborrecido/entediado quando as coisas não se movem com rapidez suficiente para você, inclusive se tornando viciado em perseguir a estimulação mental, e sendo assim, nunca cumprir suas metas e tarefas devido a mudar de ideia no meio do caminho.

Você pode ser propenso a cometer muitos erros (e repetí-los) porque você tende a ignorar, ser impulsivo ou ignorar detalhes/problemas importantes ao aprender, assumindo que você já entendeu algo quando seu conhecimento dos detalhes é realmente muito superficial e parcial.

Você pode ter dificuldade em encontrar encerramento sobre experiências passadas negativas ou aprender com erros passados, uma vez que você não consegue fazer as conexões corretas entre passado, presente e futuro.

Você deveria explorar sua identidade e aprender a priorizar melhor a fim de manter o bem-estar físico e alcançar um bom crescimento pessoal.

Ne dominante : “Isso é uma ótima idéia! “

Devido a essa atitude de Ne dominante, os ENxPs são levados a explorar ideias e possibilidades interessantes no mundo, exibindo uma sensação de excitação/urgência quando querem buscar uma nova possibilidade ou levar uma boa ideia à fruição.

Eles tendem a ser imaginativos, inovadores, otimistas e descontraídos, querendo manter a liberdade de ir onde as ideias os levarem.

Eles geralmente são admirados por seu bom humor ou criatividade quando estão no seu melhor.

Si inferior : “Se ao menos eu pudesse voltar…”

Uma vez que os Ne dominantes geralmente são muito abertos e dispostos a explorar novas ideias, no pior dos casos, eles serão incapazes de visualizar possibilidades positivas e exagerar grosseiramente na negatividade ou arrependimento, talvez sentindo como se retido/limitado por uma vida de problemas/falhas.

Em momentos de baixa ou de fraqueza, eles se tornam irracionalmente pessimistas ou obsessivos. 

Seus fracassos geralmente envolvem: não ser capaz de priorizar as melhores ideias as se buscar/desenvolver, descuido com detalhes que levam ao fracasso, ou sentir-se restrito de tal forma que eles não conseguem acessar inspiração/esperança por longos períodos.


Eixo Ni-Se (INxJs)

Você busca a construção de uma visão de significado pessoal do mundo para viver sua vida com propósito, e você procura a realização espiritual porque tem medo inconscientemente de que não haja mais nada para você além disso (Se Inferior vendo erroneamente a vida como uma simples existência corporal e uma satisfação repetitiva das necessidades físicas).

Devido a este medo, você não consegue apreciar a verdadeira maravilha e emoção de estar vivo no momento, sem perceber que sua necessidade excessiva de interpretar o significado de tudo é realmente o que faz você se sentir afastado do concreto, incapaz de soltar sua auto-imagem ou construções mentais para se conectar fluentemente com o mundo como realmente é.

Há uma variedade de maneiras de reagir a essa tensão inconsciente entre Ni e Se:

Você pode sofrer de confusão crônica, nunca se sentindo confiante em termos do que você quer fazer com sua vida.

Você pode interpretar demais o significado das coisas a ponto de ver conexões falsas e confiar em suposições intuitivas defeituosas.

Você pode tornar-se rígido e inflexível em seus ideais, metas ou expectativas para o futuro, querendo demais controlar como as coisas evoluem, ou alcançar o domínio sobre o ambiente externo devido à sua desconfiança inconsciente.

Você deveria aprender a apreciar o valor intrínseco das coisas, como elas realmente são no presente, em vez de apenas focar em algum conceito imaginário do que “poderia” ser no futuro.

Ni dominante: “Assuntos sérios” 

Devido a essa atitude da Ni dominante, os INxJs são levados a refletir sobre o significado e as implicações de tudo, muitas vezes olhando para o futuro e refletindo sobre como realizar sua visão pessoal.

Eles tendem a ser perceptivos, perspicazes, intensos e focados, tendo um orgulho silencioso quando entendem com sucesso o significado subjacente.

Eles geralmente são admirados por sua percepção ou previsão quando estão no seu melhor.

Inferior Se : “Dane-se!” 

Já que os Ni dominantes são geralmente muito reflexivos sobre o significado mais profundo, em seu pior, eles serão incapazes de visualizar apropriadamente as implicações e então jogarão a cautela ao vento.

Em momentos  de baixa ou de fraqueza, eles se tornam muito imprudentes ou extremos no comportamento.

Seus fracassos geralmente envolvem: sentir-se incapazes de realizar sua visão (talvez por ser excessivamente irrazoável/idealista em suas expectativas), não sabendo como proceder por não compreender o verdadeiro significado dos eventos, ou por não ter um propósito significativo na vida.


Eixo Se-Ni (ESxPs)

Você presta atenção a mudanças sensoriais interessantes ou boas oportunidades para se envolver com a estimulação ambiental, porque você tem medo de que você perca algo divertido, interessante ou emocionante (má interpretação pela Ni mal desenvolvida).

Devido a este medo, você não dedica tempo suficiente para refletir sobre se essas novas experiências têm algum significado real ou potencial para promover seu crescimento e desenvolvimento pessoal a longo prazo, sem perceber a importância de encontrar uma boa direção, e buscar metas de vida verdadeiramente satisfatórias.

Há uma variedade de maneiras de reagir a esta tensão inconsciente entre Se e Ni:

Você pode tornar-se impulsivo, combativo ou ganancioso porque você quer tudo de imediato sem entender o porquê disso ou para que fim.

Você pode ficar entediado muito facilmente e perseguir sem parar a estimulação, mas depois aumentar a tolerância, até o ponto onde nada mais o excita/envolve.

Você pode se tornar evasivo ou escapista porque é mais fácil fugir dos problemas que dedicar o esforço para resolvê-los adequadamente.

Você pode se tornar propenso a temer a pior ou a uma temerosa esperança, porque você não quer se decepcionar.

Você deveria explorar a sua criatividade e o significado mais profundo da sua vida, a fim de maximizar o seu potencial para se comportar melhor e alcançar metas de vida.

Se dominante : “Simplesmente, faça!“

Devido a essa atitude de Se domiante, os ESxPs são levados a manter um fluxo constante de feedback positivo do ambiente, responder rapidamente a novidades, intrigas ou mudanças.

Eles tendem a ser expressivos, enérgicos, pró-ativos, interativos e resilientes, rápidos para se envolverem numa experiência nova/divertida e também prontas para seguir em frente quando uma situação é encerrada ou uma oportunidade está esgotada.

Eles são geralmente admirados por sua ousadia ou aventura quando estão no seu melhor.

Ni Inferior : “Tudo está condenado”.

Se dominantes são geralmente muito fáceis e adaptáveis, no pior dos casos, eles serão incapazes de confiar no mundo e se sentirem tomados por paranóias ou dúvidas.

Em momentos  de baixa ou de fraqueza, eles se tornam sombrios ou cínicos.

Seus fracassos geralmente envolvem: ficarem frustrados/bloqueados a cada passo, ser tomado pelo tédio ou impaciência que os impede de escolher a ação/direção correta, ou ser facilmente impedido de estabelecer e alcançar objetivos de longo prazo.


Eixo Ti-Fe (IxTPs)

Você busca manter a independência e encontrar autoconfiança ao aprimorar suas habilidades e conhecimento sobre mundo porque você tem medo de que você seja facilmente influenciado, tendencioso ou desviado pelas exigências ou obrigações não razoáveis ​​que outras pessoas/sociedade colocam sobre você (má interpretação da Fe inferior mal desenvolvida).

Devido a esse medo, você não consegue perceber que conectar-se a algo maior do que a si mesmo é como você encontra a verdadeira felicidade e realização na vida, porque ao cuidadosamente nutrir relacionamentos e ajudar ativamente os outros permite que você faça o melhor uso de seus talentos e habilidades (uma vez que as outras pessoas irão desafiá-lo a trabalhar para o seu potencial de uma maneira não possível por conta própria).

Há uma variedade de maneiras de reagir a essa tensão inconsciente entre Ti e Fe:

Você pode se afastar-se emocionalmente a tal extremo que se torne cegamente confiante, arrogante ou sem ideia de como seus sentimentos dirigem seu comportamento (e afetam outros negativamente).

Você pode resistir a todas as influências externas e nunca se responsabilizar por nada além do que está diretamente relacionado a você, causando dano indireto por omissão ou cumplicidade.

Você pode se deparar com a solidão crônica por causa de mal entendimentos freqüentes do que lhe é esperado nos relacionamentos e não saber como continuar a desenvolver o relacionamento.

Você deveria aprender a ter um melhor entendimento através da compreensão precisa do seu papel e influência nos relacionamentos e na sociedade em geral.

Ti dominante: “Apenas os fatos” 

Devido a essa atitude da Ti dominante, os IxTPs são levados a dissecar e sistematizar informações para entender como melhor resolver um problema ou evitar/prevenir problemas futuros, muitas vezes formulando princípios baseados em fatos que produzem ação coerente.

Eles tendem a ser investigativos, críticos, desapaixonados e auto-suficientes, preferindo confiar em suas próprias análises críticas. 

Eles geralmente são admirados por sua racionalidade ou habilidade de resolver problemas quando estão em sua melhor forma.

Fe Inferior : “O que está acontecendo comigo ??!!”

Como Ti dominantes são geralmente muito frios e auto-suficientes, no pior dos casos, eles são incapazes de pensar direito e se sentem obscurecidos pela confusão turbulência.

Em momentos  de baixa ou de fraqueza, eles se tornam desesperados ou voláteis.

Suas falhas geralmente envolvem: não ouvir outras opiniões quando deveriam, ser (inadvertidamente) insensível aos outros ou falta de consciência emocional que dificulta a resolução de um problema pessoal/interpessoal.


 

Eixo Fe-Ti (ExFJs)

Você presta atenção às complexidades das dinâmicas sociais (buscando compreender como as pessoas se relacionam entre si e organizam-se harmoniosamente) a fim de obter conseqüências sociais positivas para você, porque tem medo inconscientemente de que você não seria nada sem a aceitação de outros, acreditando que a forma como os outros se comportam é um reflexo da sua posição no grupo ou valor como indivíduo (má interpretação através da Ti inferior mal desenvolvida).

Por causa desse medo, você acaba sendo muito facilmente influenciado por fatores externos, inseguro e temeroso de rejeição e dos sentimentos que a acompanham: separação, solidão, vergonha ou indignidade, não percebendo que é necessário nutrir a verdadeira independência de pensamento, bem como a auto-suficiência decisões, o leva a ter verdadeira confiança em seus próprios julgamentos (em vez de apenas depender de fontes externas).

Há uma variedade de formas de reagir a essa tensão inconsciente entre Fe e Ti:

Você pode tornar-se demasiado complacente ou avesso ao conflito, reprimindo suas próprias necessidades e desrespeitando seus próprios limites, a fim de obter a aprovação ou afirmação dos outros.

Você pode se tornar manipulador ou micro-gerenciar pessoas, a fim de eliminar as diferenças nas relações e produzir uma sensação artificial de “harmonia”.

Você pode fechar-se emocionalmente ou ocultar o seu verdadeiro eu, para que você nunca tenha que enfrentar qualquer crítica, desaprovação, ou desacordo com os outros.

Você pode buscar definir a sua identidade através de valores sociais, a fim de se ajustar, exercendo a sua “individualidade”, mas apenas superficialmente com a intenção subjacente sendo a de angariar elogios ou admiração dos outros.

Você deveria antes de tudo, ter certeza de que sua compreensão sobre pessoas/sociedade é precisa e factual, para que você possa com competência abordar questões interpessoais e encontrar um sentido equilibrado entre individualidade e pertencimento ao grupo.

Fe dominante: “Estamos juntos”

Devido a essa atitude da Fe dominante, os ExFJs são levados a manter uma boa posição em seus relacionamentos e querem suavizar qualquer discórdia social, muitas vezes confiando em valores coletivos ou percepção social para se conectar com os outros de uma maneira que produz recompensas sociais desejáveis.

Eles tendem a ser amigáveis, prestativos, atenciosos e solidários, dispostos a se esforçar para garantir que as pessoas se sintam à vontade.

Eles geralmente são admirados por sua capacidade de comunicação ou habilidades pessoais quando estão no seu melhor.

Inferior Ti : “Se você não está comigo, você está contra mim”

Como  Fe dominantes, geralmente estão muito sintonizados em manter interações harmoniosas, na pior das hipóteses, eles se desconectam das pessoas e satisfazem seus julgamentos mais críticos ou baixos.

Em momentos de baixa ou de fraqueza, eles se tornam socialmente cautelosos ou até mesmo misantrópicos.

Seus fracassos geralmente envolvem: interpretar mal as intenções das pessoas, ser incapaz de lidar graciosamente com feedback negativo ou conflitos interpessoais, ou ser muito inseguro, conformado e/ou manipulador de pessoas.


 

Eixo Fi-Te (IxFPs)

Você busca refletir sobre seus sentimentos e experiências pessoais e usá-los como seu guia moral pessoal na vida, porque você teme inconscientemente que o mundo seja em última análise, frio, amoral, ou indiferente a você e trata a sua existência como descartável ou insignificante (má interpretação através da Te inferior mal desenvolvida).

Devido a esse medo, você vai se tornar reativo a qualquer coisa no mundo que você considere infringir moralmente as regras, eventualmente, segregando-se e não percebendo que você é na verdade uma parte integral do mundo e que você tem a responsabilidade de fazer a sua parte em torná-lo melhor (em vez de apenas reclamando inutilmente do lado de fora e tornando-se pior).

Há uma variedade de formas de reagir a essa tensão inconsciente entre Fi e Te:

Você pode lutar incessantemente com baixa auto-confiança e nunca encontrar qualquer ambição significativa na vida, por apenas se preocupar com suas necessidades emocionais imediatas.

Você pode se tornar muito agressivo no proselitismo de suas crenças morais ou ser demasiado excessivo em proteger a sua identidade/individualidade, portanto, nunca permitindo que o mundo ” se intrometa” na sua “virtude moral/pureza”.

Você pode inconscientemente projetar todos os seus problemas pessoais ou preconceitos nos outros, porque você não consegue ver que as experiências de outras pessoas são muito diferentes das suas.

Você deveria aprender a ter empatia por todos os indivíduos e lutar para certificar-se de que todo mundo tenha a chance de auto-expressão livre e desenvolvimento pessoal.

Fi dominante : Seja fiel a si mesmo 

Devido a essa atitude de Fi dominante, os IxFPs são levados a refletir sobre seus sentimentos e agir de acordo com seus próprios instintos morais, muitas vezes buscando aliviar o sofrimento ou preservar a integridade individual para si ou para aqueles sinta-se responsável por.

Eles tendem a ser sensíveis, empáticos, justos e honrados, mas dispostos a contrariar o sistema para viver de acordo com seus próprios termos.

Eles geralmente são admirados por sua sinceridade ou integridade quando estão no seu melhor.

Inferior Te : “Isso é o suficiente !!!” 

Como Fi dominantes são geralmente muito atentos à honra e integridade, no pior dos casos, eles são incapazes de aceitar sua própria vulnerabilidade e/ou maltrato percebido e ceder aos seus impulsos de controle mais obscuros.

Em baixos momentos de fraqueza, eles se tornam agressivos ou vingativos.

Suas falhas geralmente envolvem: sentir-se desrespeitado ou incapaz de influenciar os resultados morais de acordo com seus valores, não ser capaz de encontrar um lugar onde eles possam se sentir em casa e se expressar livremente, ou não serem organizados/confiantes o suficiente para alcançar seus objetivos.


Eixo Te-Fi (ExTJs)

Você presta atenção ao aprendizado, e busca aproveitar as normas e regras que possam eficientemente levar a ação bem-sucedida no mundo, porque você teme inconscientemente os sentimentos de incerteza ou impotência que surgem dentro de você quando você dedica tempo para refletir sobre si mesmo, ou sobre as coisas “imprevisíveis”, “irracionais”, ou aspectos “ambíguas” da vida (má interpretação através da Fi inferior mal desenvolvida).

Devido a esse medo, você vai se tornar apartado dos aspectos da vida que você acha que possam impedi-lo de alcançar rapidamente metas/objetivos, deixando de perceber que nem tudo na vida precisa ter uma rima clara e razão, e é quando você parar para considerar seriamente suas próprias limitações/deficiências e como você se sente sobre as coisas que, você aprende a viver a vida com autenticidade e desenvolve relacionamentos mais profundos (em vez de perseguir objetivos vazios sem qualquer verdadeira paixão).

Há uma variedade de formas de reagir a essa tensão inconsciente entre Te e Fi:

Você pode seguir cegamente ou aplicar regras e normas, independentemente de como eles afetam as pessoas.

Você pode se tornar duramente julgador de pessoas que não cumprem os padrões que você definiu.

Você pode se tornar excessivamente competitivo, também extrinsecamente motivado por recompensas superficiais, ou negligentemente definir sua identidade exclusivamente por padrões externos de “sucesso”, “competência”, ou “inteligência”.

Você pode também estritamente compartimentar sua vida pública e privada de modo que você crie espaço/tempo para fazer as coisas questionáveis ou problemáticas longe de olhares indiscretos.

Você deveria reconhecer e melhorar suas fraquezas e enfrentar a vida emocional de modo que você possa se preocupar mais com competência para si e para os outros, cumprindo suas responsabilidades com devoção ao invés de com má vontade.

Te Dominante: “Veja um problema, resolva o problema” 

Devido a essa atitude de Te dominante, os ExTJs são muito sensíveis a contratempos e querem resolvê-los da forma mais eficiente possível, geralmente oferecendo informações úteis se gostarem de você, mas facilmente frustrados/críticos ao ver sinais de incompetência.

Eles tendem a ser determinados, perseverantes, formidáveis ​​e competitivos na busca de objetivos ou na obtenção dos resultados que desejam.

Eles geralmente são admirados por sua firmeza ou resistência quando estão no seu melhor.

Inferior Fi : “Por que o mundo é tão cruel comigo?” 

Como Te dominantes são geralmente muito eficientes e capazes em tudo que fazem, no pior dos casos, eles se sentem fracos e vulneráveis ​​e se entregam à autopiedade quando não conseguem superar seus desafios.

Em momentos  de baixa ou de fraqueza, eles se tornam auto-indulgentes ou superemocionais.

Seus fracassos geralmente envolvem: ser muito agressivo e, em seguida, ser severo, ter muita exaustão, sofrer exaustão ou ser tão focado na eficiência e nos resultados finais que eles negligenciam outras coisas ou pessoas importantes.

Anúncios

Deixe uma resposta

Powered by WordPress.com. Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: