Relacionamento: Eneatipo 4 e Eneatipo 6

Publicado por

Este guia visa apresentar a teoria e tipologia do Eneagrama. Os posts serão traduções e adaptações do original, que merece todos os créditos: The Enneagram Institute e os livros de Riso-Hudson

 

Agora temos um Grupo no Facebook

Eneatipo 4 (O Individualista) e Eneatipo 6 (O Legalista)

O que cada tipo traz ao relacionamento

Ambos Eneagrama Quatros e Seis, têm muitas afinidades naturais, especialmente porque ambos são altamente emocionais e muitas vezes se sentem inseguros em torno das pessoas. Ambos tendem a ter sentimentos fortes e imediatos e a agir através de seus pressentimentos inconscientes ou intuições.

Seis muitas vezes se tipificam erroneamente inicialmente como Quatros por causa dos traços que eles realmente têm em comum. Essas características também podem ser aquelas que eles trazem para o relacionamento, permitindo que eles tenham um grau incomum de empatia e tolerância um com o outro.

Em suma, Quatros e Seis podem trazer um ao outro a sensação de que são almas afins, ligadas por seus sentimentos de abandono e uma certa desconfiança com os outros. Eles podem se sentir como “órfãos na tempestade” que oferecem apoio mútuo e tranquilidade. Em vez de energizar um ao outro, quando são saudáveis, Quatros e Seis tendem a se apoiar e se estabilizar, geralmente agindo como um ombro amigo para preocupações e queixas que eles sentem que não podem expor em nenhum outro lugar.

Quatros trazem sensibilidade, sensualidade e capacidade de expressar as emoções abertamente, incluindo os sentimentos que os Seis não sabem como expressar. Quatros falam sobre suas vidas internas – novamente, algo que Seis muitas vezes precisa aprender. Seis trazem trabalho duro, perseverança, praticidade, lealdade e preocupação com a segurança do relacionamento.

Eles também são frequentemente quentes e imprevisivelmente brincalhões e capazes de romper qualquer melancolia e auto absorção em que Quatros possam periodicamente cair. Quatros dão ao Seis a sensação de que eles são necessários – ajudando a dar aos Quatros uma plataforma de algum tipo para desenvolver sua criatividade, bem como o tempo e apoio que talvez eles precisem para trabalhar com seus problemas emocionais. Esta combinação cria firmeza e ousadia, equilíbrio e a capacidade de preencher as lacunas entre si, tanto no seu próprio desenvolvimento quanto nos assuntos práticos.

Possíveis problemas ou conflitos

Conforme mencionado acima, tanto Quatros quanto Seis têm problemas com sentimentos de abandono. Ambos os tipos nos níveis mais baixos tendem a serem emocionalmente reativos, críticos dos outros, pessimistas e podem sentir-se sobrecarregados. Embora eles geralmente não falem sobre isso, eles podem testar-se de várias maneiras na tentativa de descobrir o quão leal é o outro.

Ambos os tipos também podem começar a sutilmente retirar atenção e carinho do outro como forma de defender contra a dor do abandono potencial, caso isso ocorra. Mas nisto, ambos os tipos tendem a criar uma profecia auto-realizável em que seus medos e reações provocam aquilo que eles conscientemente tentam evitar.

Ambos os tipos podem tornar-se co-dependentes, e sua dependência um do outro pode não resultar em desenvolvimento para qualquer um: Quatros não se tornam automaticamente mais práticos, e os Seis não se tornam mais perspicazes em relação à si mesmos.

Outro ponto de problemas potenciais para Quatros e Seis reside na área das mudança e tolerância à mudança. Geralmente, os Quatros estão mais interessados ​​em auto-exploração e autodesenvolvimento e eles tendem a ser mais aventureiros em seus gostos e no que eles se permitem pensar e experimentar.

Os Seis tendem a ser mais conservadores e resistentes à mudança e à exploração pessoal, gerando possíveis conflitos com Quatros, que podem achar que o Seis está retendo e sufocando sua criatividade e desenvolvimento.

Ambos podem serem pessimistas e duvidosos, sombrios e desconfiados dos outros. A queixa que os Quatros normalmente tem sobre os Seis é que eles não são espirituais e suficientemente românticos, enquanto a queixa dos Seis sobre os Quatros é que eles são muito pouco dependentes e agem demais por caprichos e não são emocionalmente estáveis ​​o suficiente. Ambos os tipos são reativos e os conflitos podem crescer rapidamente: os mal-entendidos podem levar a projeções e reações excessivas.

Quer saber mais sobre Eneagrama? Mostre-me onde!

Anúncios

Deixe uma resposta