Relacionamento: Eneatipo 3 e Eneatipo 8

Publicado por

Este guia visa apresentar a teoria e tipologia do Eneagrama. Os posts serão traduções e adaptações do original, que merece todos os créditos: The Enneagram Institute e os livros de Riso-Hudson

 

Agora temos um Grupo no Facebook

Eneatipo 3 (O Realizador) e Eneatipo 8 (O Desafiador)

O que cada tipo traz ao relacionamento

Estes Dois tipos podem formar afiliações poderosas e altamente eficazes e também podem ter relacionamentos pessoais apaixonados e estimulantes. Ambos são assertivos: tanto Três como Oitos seguem o que querem na vida. Ambos podem ser figuras maiores do que a vida, e são notáveis ​​de alguma forma e porque ambos se destacam em seu círculo social.

Eles não podem deixar de se notar e chegar a um acordo entre eles. Ou formam uma aliança que irá melhorar as duas partes ou uma competição se desenvolve que irá mantê-los separados. Surpreendentemente, a força e solidez do Oito garante permissão ao Três para ser mais sincero: o Oito se sente confiável e o Três procura segurança para revelar seu coração.

Oitos também gostam de ver Três usarem as oportunidades e enfrentar os desafios que eles oferecem. Do outro lado, ajudam Oitos a relaxar uma vez que eles sabem que os Três são competentes e podem fazer coisas por conta própria. Além disso, tanto Três como Oitos são orientados para a ação, pragmáticos, se preocupam em fazer o trabalho e estão dispostos a assumir a liderança para alcançar seus objetivos.

Ambos têm um grau marcado de autoconfiança (pelo menos externamente), podem ser persuasivos e podem cortar suas perdas e mudar os objetivos quando as coisas não estão funcionando para eles. Para esta mistura, Três trazem mais consciência dos outros, um sentimento para as relações públicas e para como agradar as pessoas.

Eles são mais diplomáticos e adaptáveis, tanto no relacionamento com o Oito quanto com os outros. Oitos trazem franqueza em expressão, destemor, vigor físico e determinação para alcançar sua visão pessoal.

Eles trazem solidez, determinação e uma espécie de força que traz ao Três mais flexível confiança. Eles querem se orgulhar um do outro e apoiar os potenciais e as conquistas um do outro. Eles tendem a não competir um com outro – surpreendentemente, porque ambos tendem, em geral, a serem competitivos com os outros.

Possíveis problemas ou conflitos

Três e Oitos podem ser eficazes no mundo dos negócios e em suas carreiras profissionais, onde a energia, a determinação para ter sucesso e a unidade pessoal são necessárias. Mas ambos os tipos tendem a ser workaholics, colocando-se sob um estresse tremendo, a fim de alcançar seus objetivos e aguentar o sucesso que eles tenham.

Sob um estresse suficiente, eles podem parar de se apoiar e começa a competir para superar as conquistas do outro. Dos dois tipos, Oitos controlam mais abertamente do que Três, embora os Três tentem controlar as situações secretamente – o que pode despertar as suspeitas dos Oito e a falta de confiança.

Uma vez que a confiança está comprometida, Oitos podem tornar-se ciumentos e possessivos, ordenando aos Três que façam coisas para provar sua lealdade pessoal aos Oito.

Três podem facilmente se sentir usado e menosprezado, que não são adequadamente apreciados por suas contribuições ou por seu apoio aos Oito. Oitos começam a esperar e exigir lealdade – até a obediência – pelo seu patrocínio e orientação. Três começam a sentir que estão perdendo sua capacidade de perseguir seus próprios objetivos, que estão se tornando um apêndice dos Oito.

Em resposta a condições de deterioração, ambos os tipos podem se tornar manipuladores para obter o que desejam. Uma vez que eles começam a fazer isso um com o outro, a confiança e a abertura não podem ser mantidas.

Além disso, nem Três nem Oitos são muito habilidosos para falar sobre seus sentimentos ou necessidades reais, nem se sentem confortáveis ​​em ser vulneráveis. Para ambos, o isolamento e a supressão se tornam a norma e podem tornar-se difíceis de se abrirem.

Oitos pode ver os Três como enganosos e não confiáveis; Três podem ver o Oito como voluntariosos e vingativos, e eles podem ter medo de serem humilhados. Oitos, em última instância, querem apoio para si e para sua visão.

Três querem desenvolver-se e serem admirados por suas qualidades. Brigas sobre quem está apoiando quem, começam. As vontades de quem prevalecerá? Uma desagradável, muito pessoal, separação pode seguir.

Quer saber mais sobre Eneagrama? Mostre-me onde!

Anúncios

Deixe uma resposta